Vereadores de Vargem Grande Paulista votam contra guardas municipais multarem motoristas embriagados

A votação da ultima terça-feira (06/03) na Câmara Municipal de Vargem Grande Paulista chamou atenção por parte da população do município.

Quatro vereadores (Juninho, Mauro, Ney e Djalma), votaram contra o projeto de lei que permitiria a Guarda Municipal emitir auto de infração para pessoas que fossem pegas dirigindo embriagadas, motoqueiros empinando motos, motoristas que estacionassem em locais de idosos e deficientes fisicos.

Guardas municipais conversaram com todos vereadores explicando a importância dessa autonomia e o quanto facilitaria o trabalho no dia a dia, mas parece que alguns dos vereadores não foram convencidos com as explicações.

Juninho, Mauro, Ney e Djalma alegaram que o projeto de lei deveria ter sido conversado com o prefeito antes de ser levado em votação. Um dos vereadores alegou que se o prefeito tivesse conversado antes da votação o projeto teria passado sem problemas.

O vereador Ferrugem que votou contra o projeto de lei, alegou que se confundiu no momento da votação e que irá apresentar um requerimento para que o projeto seja votado novamente.

A câmara de vereadores encontra criticas para que alterem o horário das votações que são as terças feiras as 10:00 AM, para um horário onde a população possa participar.

O fato é que os vereadores tem um custo elevado aos cofres públicos e pouco produzem.

 

Comments

comments

Inline
Inline