ROMU prende 5 pessoas por tráfico de drogas em Cotia

Por volta das 22h da última terça-feira(15/08), guardas civis faziam patrulhamento de rotina pelo Jardim Stella Maris, quando suspeitaram de dois indivíduos em frente à uma residência.

Estes, ao perceber a aproximação da viatura, entraram correndo na casa. Os guardas perceberam um alvoroço em seu interior e verificaram que indivíduos saíram correndo pelos fundos. Com ajuda de outros guardas iniciou-se a perseguição aos indivíduos que tentavam fugir correndo sobre os telhados das residências vizinhas. Porém acabaram caindo, sofrendo
lesões, e neste momento foram detidos.

No interior da casa foram detidos outros três indivíduos e quatro mulheres. No local, os guardas localizaram uma grande quantidade de entorpecente.

Foram apreendidos 23 tijolos de maconha, 1kg de cocaína, 237 buchas de maconha pronta para o comércio, e 629 pedras de crack, além de três balanças de precisão e embalagens para fracionamento da droga. Também foram localizados extratos bancários, com vasta movimentação financeira, sendo que um deles pertencia a um dos indivíduos detidos.

Sobre um móvel, foram encontrados ainda R$ 2.764,00 (dois mil, setecentos e sessenta e quatro reais) e no bolso de um dos indivíduos, mais R$ 300,00, totalizando R$3.064,00 (três mil e sessenta e quatro reais). Diante dos fatos, os guardas deram voz de prisão e conduziram todos ao DP de Cotia.

Os dois indivíduos que se feriram caindo do telhado foram socorridos ao Hospital de Cotia onde foram medicados e permaneceram em observação. Um deles, admitiu que apresentara um documento de identidade falso (CNH), pois era procurado pela Justiça.

O entorpecente foi apreendido e encaminhado ao Instituto de Criminalística, onde foi elaborado o laudo de constatação nº358.130/2017, com o resultado positivo para cocaína (1.317g) e maconha (tetrahidrocannabinol – THC), na quantidade de 9.259,60g. Outros 489,6g de substância apreendida não apresentaram resultado entorpecente.

Um veículo Peugeot 207 cinza e a CNH falsa foram apreendidos.

A Autoridade Policial, Dr. Gil Braz, ratificou a voz de prisão, determinando a elaboração do boletim de ocorrência de nº5233/17, de natureza “Tráfico de Drogas” (art.33) e “Uso de documento falso” (art.304), em desfavor de cinco indiciados, com idades entre 21 e 28 anos.

A autoridade entendeu ainda, não estar configurada a participação de outras quatro mulheres com idades entre 19 e 20 anos, no crime de tráfico, tendo em vista que a conduta delas, descritas nos depoimentos pessoais e dos demais envolvidos, aponta apenas a participação em uma “festa social” onde o uso de entorpecente é um dos “fatores de prazer”, razão pela qual elas foram ouvidas na condição de averiguadas e liberadas.

Fonte e Foto: Portal Viva Cotia

Comments

comments

Inline
Inline