Prefeitura de Cotia e Promotoria cobram do Consórcio São Lourenço recuperação viária

Depois de duas reuniões entre o Ministério Público, a Prefeitura de Cotia e representantes do Consórcio Construtor São Loureço (CCSL) – responsável pela obra de construção do Sistema Produtor São Lourenço, da Sabesp – ficou definido que o CCSL terá que promover reparos nas estradas danificadas pelo grande fluxo de máquinas e caminhões da obra. A decisão foi ratificada no segundo encontro que aconteceu nesta terça-feira (22/08), no gabinete do prefeito Rogério Franco.

Entre as deliberações, ficou acertado que o CCSL promoverá alguns reparos em vias como a estrada Nhambuca, estrada da Água Espraiada, rua Pedro Vaz Coelho, rua Betel e estrada do Ribeirão.

As reuniões foram convocadas pelo promotor de Justiça Ricardo Navarro diante da grande reclamação dos moradores e do poder público municipal quanto aos estragos causados nas vias municipais. “Solicitamos providências do consórcio no sentido de reparar as vias afetadas pela obra e estabelecemos um cronograma de melhorias que iniciará nos próximos dias”, disse o prefeito Rogério Franco. Segundo ele, a prefeitura vai acompanhar de perto o cumprimento do cronograma e, por meio da Secretaria de Obras e Serviços, auxiliar no que for preciso para manter as ruas e estradas da cidade transitáveis e em boas condições para pedestres e motoristas.

Também participaram das reuniões o Secretário de Obras e Serviços, Rodrigo Dantas e o vereador Celso Itiki.

Comments

comments

Inline
Inline