Polícia Civil de São Roque prende presidente da OAB de Osasco

A Polícia Civil de São Roque (Deinter 7) prendeu em Araçariguama, na madrugada de quarta-feira (25/10), a Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), da subseção de Osasco, por extorsão.

A advogada, foi presa junto com seu marido, ambos são acusados de extorquirem o presidente da Câmara de Vereadores de Osasco. Investigações apontam que o casal pedia dinheiro ao vereador, para não denunciar supostas irregularidades, na locação do prédio, onde funciona a Casa Legislativa do município.

Na delegacia, a vítima afirmou que as extorsões ocorriam há algum tempo, inclusive forneceu imagens gravadas que comprovam a conduta do casal que, além de dinheiro, exigiam cargos públicos comissionados.

A investigada foi abordada, na saída de um restaurante, na Rodovia Castelo Branco, no interior de sua bolsa, foi apreendido um envelope com R$ 2 mil, em dinheiro. A Polícia Civil havia feito cópias das notas, para posterior conferência das numerações de série.

A Ordem dos Advogados do Brasil de São Paulo (OAB-SP), em nota, afirma que acompanha o trabalho da Polícia Civil, e que a subseção de Osasco funciona normalmente.

Comments

comments

Inline
Inline