Exames de uma criança levam mais de 6 meses em Cotia

A saúde parece ser o calcanhar de Aquiles da administração pública, onde apontam uma culpada, a crise. Devido ao desemprego, as pessoas deixaram de usar convênios e começaram a usar  SUS.

Mas o SUS não é para todos? Pelo visto não!

Falta planejamento para a administração pública e capacidade para dar a população o atendimento que ela merece, de acordo com os impostos pagos.

Na UBS de Cotia no bairro Caucaia do Alto, Fabio Silva leva o seu filho de 1 ano de 10 meses para o pediatra, onde o médico solicita exame de sangue (Hemograma) e um exame de urina, os quais são agendados para dezembro, não, vocês não leram errado o exame foi agendado para 13/12/2017.

O pai revoltado diz: “Como isso é possível? Se a criança tiver alguma doença morre sem saber o que tem. Seis meses para o exame, mais 4 ou 5 meses para o retorno no pediatra, isso é um absurdo. Tenho que marcar exames para meu pai, os dele não tem nem previsão”

A saída para o brasileiro e torcer para não ficar doente, pois se depender do SUS as coisas não andam nada bem.

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inline
Inline